Objetivos do projeto (briefing)

Atividades relacionadas

Aplicação de questionário

Atualizado em 27.12.2011

Antes de definir o escopo de um projeto, é preciso entrar no problema a ser resolvido, e, para isto, no contexto específico de cada cliente. Pode-se para isto aplicar um questionário aos principais stakeholders do projeto e pessoas ligadas ao produto final (equipe de atendimento ao público, de atualização do conteúdo, clientes, usuários finais). É um procedimento formal de início de projeto, que pode ser individualizado ou coletivo, caso o ambiente funcional seja propício. (Ver também Questionário: objetivos do projeto web)

O questionário pode ser aplicado de diversas maneiras: por escrito, via email (não muito indicado, porque perde-se os comentários lateriais e a linguagem corporal, boas fontes de informação); pessoalmente, seguindo um roteiro pré-traçado; ou, no caso de empresas de cultura informal e relações horizontais, na forma de um bate-papo descontraído, em que as perguntas são usadas para orientar a obtenção das informações necessárias, sem impor formato ou ordem.

Caso os entrevistados tenham diferentes tipos de atuação, a adaptação das perguntas os ajuda a entender e articular o escopo das suas expectativas e dos resultados esperados.

Registros das conversas

As conversas podem ser gravadas ou não de acordo com a disponibilidade dos aplicadores de analisar o conteúdo coletado. E também de acordo com o clima da empresa. Se o clima interno é mais informal, a gravação pode afetar a espontaneidade dos interlocutores e atrapalhar o resultado da conversa. Caso tenha um ambiente mais formal, o gravador pode combinar com o modo como as pessoas se relacionam e valorizar a interlocução.

Durante toda a conversa, o entrevistador deve deixar claro que não é o dono da verdade e sim o interlocutor. Deve evitar dar opiniões e conduzir as perguntas para receber respostas dentro das suas expectativas.

Caso o entrevistador faça anotações, estas devem ficar claramente visíveis para o interlocutor, de modo que este possa corrigir ou comentar uma ou outra nota, "você não entendeu direito, o cliente prioritário [e aquele que já compra nossos produtos". Anotações com caneta preta de ponta grossa em post-its grandes, que possam ser espalhados pela mesa no decorrer da conversa, ajudam a manter transparentes as percepções sobre os assuntos tratados.

Eventualmente, as entrevistas podem levantar informações com forte componente emocional. Perguntas delicadas como "Que fatores contribuíram para o projeto anterior não chegar aos objetivos desejados?" podem gerar respostas evasivas ou as pessoas simplesmente se recusarem a respondê-las.

Uma aproximação com perguntas mais genéricas que gerem menos atrito pode servir de base para a gradual conquista da confiança do entrevistado e o aprofundamento em detalhes de articulação mais difícil.

Perguntas não convenientemente respondidas ou que gerem respostas subjetivas, podem ser submetidas várias vezes na mesma entrevista, rearticuladas, para permitir posteriormente a avaliação das diferenças entre as respostas.

É necessário, durante e depois da conversa, registrar e analisar os depoimentos, para facilitar a argumentação durante as mudanças no desenvolvimento. E posteriormente é preciso analisá-los, editá-los, e distribuir o resultado aos colaboradores envolvidos no planejamento. Se realizadas antes do Project Charter, algumas respostas possivelmente influirão na sua formatação. Ver Fatores a considerar no Termo de Abertura do Projeto (Project Charter)


Assuntos relacionados
Questionário: objetivos do projeto web
Fatores a considerar no Termo de Abertura do Projeto (Project Charter)
Objetivos do projeto (briefing)

Referências sobre aplicação de questionário para realização de projeto web
Breaking old habits (Projects@Work, acesso em 2.7.2005)

Avellar e Duarte no Twitter Avellar e Duarte no Facebook Feeds da Avellar e Duarte Avellar e Duarte no Delicious

Mapas temáticos
Checklists para
projetos web